1º Ano de Vida

1º Ano de Vida – Fique a par dos vários passos para mudar a fralda do seu bebé e deixá-lo feliz e confortável.
A prática em mudar fraldas adquire-se muito rapidamente, já que um bebé recém-nascido exige que o faça várias vezes por dia. O facto de ter a bexiga muito pequena implica que este faça muito chichi, por isso, terá de mudar-lhe a fralda, pelo menos, sempre que o alimentar, depois de este acordar e antes de adormecer.

Esteja sempre alerta

A pele dos bebés é muito delicada e, embora alguns possam esperar até depois de comerem para serem mudados, é importante fazê-lo assim que notar que a fralda está suja. Desta forma prevenirá que a pele fique vermelha e inflamada.

Como começar

Antes de começar, organize-se e tenha à mão tudo o que precisa para a muda da fralda: fraldas limpas, compressas, algodão molhado em água morna, toalhitas ou loção de limpeza para bebé, água de limpeza de bebé, e creme contra assaduras.

Muda da fralda

Como gesto de higiene e cuidado, a muda da fralda do seu bebé repete-se muitas vezes: até 7 a 8 vezes por dia no nascimento. É um gesto importante que necessita de produtos eficazes, suaves e adaptados, respeitando perfeitamente a pele frágil de bebé.
A epiderme das nádegas é uma zona delicada que merece uma atenção especial. A humidade, a acidez da urina, o carácter corrosivo das fezes, a maceração das fraldas são as causas das irritações quotidianas.

Para limpar as nádegas

Mude regularmente a fralda do seu bebé, sempre que esta estiver húmida, e de preferência a seguir às refeições.
Adapte o tamanho das fraldas ao tamanho do seu filho: uma fralda muito pequena provoca um esfregar mecânico responsável pelo eritema das nádegas e não protege tão bem das eventuais fugas.
Na altura da muda da fralda, efectue uma higiene muito suave. Limpe o seu bebé com um fluido de limpeza sem enxaguamento, um leite de toilette ou toalhetes espessos para a muda da fralda. Se preferir utilizar água, escolha um gel lavante ou um sabonete super gordo. A higiene do rabinho deve ser efectuada de cima para baixo, do mais limpo em direcção ao mais sujo, para não transportar impurezas.
– Para uma menina, limpe da vulva em direcção às nádegas (dobras exteriores dos lábios e depois no meio).
– Para um menino, limpe o pénis, os testículos e em volta, e só depois as nádegas.
Deixe a pele secar ao ar livre, sempre que possível, ou seque cuidadosamente as dobras cutâneas, para evitar a maceração.

Para proteger a sua pele frágil

Não espere que as nádegas do seu bebé estejam vermelhas para cuidar delas!
Em prevenção, aplique no rabinho um creme protector para a muda da fralda com óxido de zinco, para proteger a pele da maceração e da irritação.
No caso de vermelhidões das nádegas, deixe o rabinho do seu bebé o mais possível ao ar livre e utilize um produto adaptado.

Onde mudar a fralda

O melhor local para a muda da fralda é um colchão ou suporte de mudança próprios, que fiquem à altura da sua cintura, ou uma toalha colocada no chão, para segurança do bebé.

A muda passo a passo

• Coloque o bebé de costas e faça com que este se sinta descontraído e contente, de forma a facilitar o processo. A hora da mudança da fralda pode ser uma oportunidade de mãe e pai falarem e brincarem com o bebé. Evite que ele perceba que está aborrecido ou cansado por lhe estar a mudar a fralda.

• Abra a fralda suja, de forma cuidadosa.

• Limpe as fezes com algodão em água ou loção, ou com toalhitas. Se for uma menina, faça a limpeza de frente para trás, no sentido do ânus, não voltando a passar com a mesma parte do toalhete, de forma a prevenir a passagem de germes para a vagina. A um rapaz, deve limpar bem o escroto, mas sem friccionar.

• Seque a zona da fralda com lenços de papel, se tiver limpo com algodão molhado, e deixe o bebé mexer-se um pouco, para o rabinho apanhar ar.

• Aplique o creme protetor se o bebé estiver assado. Todos os bebés ficam com o rabinho assado de vez em quando. Se a assadura não passar, consulte um profissional de saúde.

• Coloque a fralda, com o cuidado de não a apertar demasiado.

• Elogie o seu bebé pelo feito. Este sentir-se-á limpo e não levantará problemas da próxima vez que tiver de mudar a fralda.

Questões frequentes

Fraldas descartáveis ou de pano: ambas têm as suas vantagens e desvantagens. Se as fraldas de pano são menos prejudiciais para o meio-ambiente e, à partida, mais baratas, as fraldas descartáveis são mais práticas para os pais que trabalham ou têm uma rotina mais atarefada.


Assaduras:
podem ser causadas pelo contacto do rabinho com a urina ou o cocó e são mais frequentes numa pele sensível. Para as prevenir, faça a muda da fralda o mais breve possível desde o momento em que repara que esta está suja, e antes mesmo de o bebé chorar; limpe bem toda a área da fralda, com produtos apropriados; aplique um creme contra assaduras.